quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Edificando a família para abençoar a igreja

INOVA - Núcleo de Crescimento de Casais






Em Josué 24.14-25 diz: “14 - Agora, pois, temei ao Senhor, e servi-o com sinceridade e com verdade; deitai fora os deuses a que serviram vossos pais dalém do Rio, e no Egito, e servi ao Senhor. 15 - .........Mas, eu e minha casa serviremos ao Senhor” (NVI). Temos aqui um texto que serve como tema de muitas campanhas em nossas igrejas. Mas, e daí? O que estas campanhas tem mudado em nossas casas? Perguntamos então: Quais escolhas temos feito com nossos filhos em relação a nosso compromisso com o Senhor e a igreja? Neste duas palavras nos chamam atenção. As palavras são: Temer e Servir ao Senhor com sinceridade e verdade.
O Temor do Senhor – este faz a diferença em nossa vida cristã, quantas vezes nos pegamos dizendo que o temor do Senhor foi o que não nos deixou fazer isto ou aquilo. Os pecados estão em todo tempo nos rodeando, mas o Temor do Senhor não nos deixa perder de vista a salvação ou o nosso compromisso com Deus. No temor há uma riqueza, pois ele também nos traz sabedoria para agir como servos do Deus Altíssimo. O ímpio busca em nós atitudes diferenciadas dele, e quando isto não acontece a luz do Senhor deixa de brilhar e nós deixamos de edificar.
Nossas famílias que compõe a igreja devem de forma mais firme e compromissada utilizar do temor do Senhor para que haja diferença e, consequentemente, edificação no seio da mesma. Não podemos esquecer o quanto é problemático nas igrejas as questões como: as panelinhas, a fofoca, a divisão, a proteção etc.
Tenha isto em mente: estamos criando filhos que formarão a sociedade e a igreja de amanhã.
Como está sendo esta formação do Temor do Senhor na vida do seu filho através do seu testemunho?
Preocupamos muito com isto, pois sabemos que nossos filhos serão amanhã a cópia do que somos hoje, ou seja, do que estão vivenciando conosco dentro de nossos lares.